Seguir para o conteúdo.

Centimfe

Secções
Ferramentas Pessoais
Você está aqui: Entrada » Projectos » Concluídos » FRF

FRF - Fabrico Rápido de Ferramentas

www.frfonline.com

Hoje em dia, as empresas industriais são obrigadas a competir no mercado global, fabricando produtos caracterizados por ciclos de vida cada vez mais curtos. Neste contexto, a competitividade relativa das empresas é dependente não só do saber fazer bem, mas também da sua capacidade para oferecer em tempo útil produtos de maior qualidade e tecnicamente mais evoluídos.

Em resultado, as empresas são obrigadas a investir fortemente, sozinhas ou em parceria, na criação de capacidades acrescidas na vertente de inovação e engenharia de produto, bem como em novas metodologias de trabalho e em novas tecnologias capazes de comprimir drasticamente o seu tempo de resposta.

Foi com este intuito que surgiu o Projecto Mobilizador FRF – Fabrico Rápido de Ferramentas. Este projecto foi submetido ao POE - Medida 2.2B, numa parceria liderada pela Iberomoldes S A, tendo como parceiros também o Centimfe, INEGI, INETI, AGILTEC, Ferespe, M.C.Graça e Sonafi.

O projecto FRF visou, assim, criar as competências e instalar as condições que permitissem fabricar em tempo útil os protótipos técnicos que a Indústria necessita para poder competir no mercado internacional.

Objectivos:

  • Criação de uma rede nacional especializada nas tecnologias de Rapid Tooling e formada por instituições de I&DT, centros tecnológicos e empresas representativas dos sectores de moldes, cunhos, cortantes e ferramentas especiais, fundição, plásticos e estampagem.
  • Desenvolvimento, validação e demonstração de cadeias tecnológicas alternativas para o fabrico de ferramentas de produção, utilizando as tecnologias de Rapid Tooling, das quais possam resultar reduções significativas de custo ou de tempo para o início da produção ou para lançamento de novos produtos no mercado.
  • Adaptação das metodologias utilizadas no projecto de ferramentas de produção de modo a incorporar os novos conceitos de Rapid Tooling.
  • Implementação industrial das cadeias de produção alternativas de maior valor, tendo em atenção os aspectos de organização necessários à exploração industrial das novas soluções.
  • Disseminação dos resultados do projecto e promoção do uso das tecnologias de Rapid Tooling junto do tecido industrial português.
  • Identificação das limitações tecnológicas ainda existentes e iniciação de acções de investigação colaborativa ao mais alto nível nestes campos.
  • Promoção da ligação a outras redes de Rapid Tooling, já existentes ou a promover por outros países, em particular da União Europeia, e acompanhamento das acções de I&DT que são feitas neste domínio pela comunidade internacional.

 

Para além dos objectivos tecnológicos mencionados anteriormente, o projecto permitiu desenvolver e consolidar as boas práticas de investigação em consórcio, e reforçar os laços de cooperação entre instituições pertencentes ao Sistema Científico e Tecnológico Nacional e Empresas Industriais.

Parceiros:


 

Apoios: